quinta-feira, 13 de novembro de 2008

A GUERRA CONTRA O CONSUMISMO


A PARTE DRAMÁTICA DA COISA...


Cultura é o conjunto de bens materiais que caracterizam um determinado agrupamento humano. A cultura compreende um conjunto complexo que inclui conhecimentos, artes, leis, crenças, moral, costumes, enfim, tudo o que o ser humano adquire como membro de sua comunidade.
A visão de mundo que permeia a sociedade é capitalista. Tudo se move através do dinheiro e do poder, isso não é nenhuma novidade. E uma conseqüência desse capitalismo é o consumismo. Isso se tornou cultura! (??)
* Consumismo é um neologismo proveniente dos “progressos” capitalistas.
A mídia controla a vida das pessoas. Nós somos como robôs, só esperando o primeiro comando para acionar o botão vicioso do consumo. Mas não estamos falando de qualquer consumo, mas sim daquele que é uma inversão da idéia de necessidade.
Existe uma valorização muito grande dos objetos: somos o que compramos, somos o que consumimos. TER = SER. Isso acentua mais a diferença entre ricos e pobres. Todos são consumidores, mas vemos a diferença de classes sociais naquilo que compram. É um verdadeiro mercado de ilusões. É um verdadeiro mercado de alienação.
Hoje há propaganda voltada só para as crianças, (os filhos e filhas do consumismo), pois se sabe que elas já são consumidoras relevantes para o mercado mundial. E onde está a educação financeira? As crianças não têm noção dos exageros capitalistas, então a culpa é dos pais ou da propaganda? Os comportamentos de consumo são estimulados por mensagens que relacionam idéias como felicidade, sucesso, auto-estima aos produtos e serviços oferecidos pelo mercado. Os signos são cuidadosamente estudados para convencer homens, mulheres, adolescentes e crianças a
desejarem consumir num mundo de sonhos mercadológicos. Os profissionais de publicidade a chamam de estratégia de marketing: relação direta entre um produto ou serviço às necessidades de um consumidor em potencial. Esta técnica também é conhecida como a arte da persuasão.
As pessoas já não controlam suas vidas, já não escolhem suas necessidades. O que devem fazer é colocado automaticamente em seus cérebros – são os famosos “zumbis do consumo”. O templo do consumismo? Estou nele! “O shopping Center! Cultos todos os dias! Venha e aproveite para lustrar seu ego no chão límpido e nas vitrines cheias de artigos atrativos”.
Então o que se deve fazer para fugir desta realidade?
Aprender novamente a pensar, escolher e consequentemente rejeitar. A realidade é moldada por nós!


“ONDE HÁ PODER, HÁ RESISTÊNCIA”
Michel Foucalt, filósofo francês.


PROPAGANDA > CONSUMISMO > ALIENAÇÃO > DESPERDÍCIO = GLOBALIZAÇÃO





A PARTE AMARGAMENTE REAL DO TODO



PODE-SE NÃO PERCEBER NADA NA SUPERFÍCIE, MAS NAS PROFUNDEZAS O INFERNO ESTÁ EM CHAMAS
Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de julho de 1998.



Sempre que eu olho qualquer produto MADE IN QUALQUER LUGAR, me vem à cabeça criancinhas trabalhando por alguns centavos... As imagino orientais, mas essa situação degradante ocorre em quase todos os países em desenvolvimento, seja com crianças ou adultos, orientais ou ocidentais... São eles que trabalham para que possamos ALIMENTAR nossas VAIDADES. Ou seja, ao comprar aquele tênis lindo NIKE ou PUMA (ou qualquer outra coisa de qualquer outra marca), estamos contribuindo para a degradação das relações sociais entre sociedades.
São tantas empresas que exploram seus trabalhadores a horas de trabalho exageradas em ambientes propícios ao risco.... ISSO SE CHAMA DESTRUCTIVE MAIS-VALIA!!

6 comentários:

Camila disse...

Plaft, plaft, plaft.
Enfim algo útil no mundo blogueiro. Isso vira um artigo lindo, viu?
Só não acho digno você ficar expondo Yasmin e Dany dessa maneira, em momento tão íntimo. uehuheue

Beijoo, coisa linda.
;*

Gustavo Berredo disse...

Procede.

Acreditamos que quando a Sociedade volta-se ao lucro, ao materialismo... é levada à auto-destruição.

Não que concordamos com a totalidade das idéias de Marx, mas acreditamos que estava certo quando afirmou que o capitalismo contém em si mesmo o germes de sua própria destruição.

A Sociedade não deve existir em função da Economia, mas a Economia deve funcionar em benefício do homem.

Calli.Strange; disse...

Juh,que post inteligente. Interessante mesmo pensar numa questao cm essa,que poucas pessoas param rpa pensar.
a alienação está em toda parte e o pior é imbuir toda essa "falta do pensar' nas nossas crianças.
adoorei a foto de yasmin e dani xDDDD

Bjos. ;*

Mahdji disse...

Mas vocês conseguiriam viver num mundo diferente do atual?
É possível deixar de ser egoísta?

Talvez o comunismo seja o céu com o qual todos sonhamos, desde que não incomode "o nosso espaço".

Deborah Nay disse...

Gustavo foi tão culto ao comentar que reservo para mim os meus comentários...

Só sei que temos que inventar algo que não seja tão feroz quanto o capitalismo e tão sem graça como o socialismo... espero que alguém tenha um idéia!

;)

Sem selos disse...

adoreeei ju ..
agora que fui ler pow...


;*