quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

REFLEXÃO





Um novo ano chega, e eu sinto que as mudanças já se fazem perceber:

O ambiente possui uma aura mais silenciosa, tudo flui tão facilmente...
A ansiedade se dissipou e deu lugar à mais completa tranqüilidade.
A solidão foi embora e deixou no lugar a certeza de que a melhor companhia é aquela que você vê no reflexo frio do espelho.
O tempo não é mais um inimigo, é um aliado.
As amizades não são tudo; são a melhor parte do menor pedaço.
E logo fica mecânico: pensar, pensar - fazer ou não, falar ou não (e não o contrário)...

É certo que aprendendo no silêncio, tudo tornou-se magicamente interessante. E as coisas mais simples tornaram-se seguramente afáveis. De fato, é bem melhor viver em parte na fantasia do que com os dois pés na realidade. Os devaneios trazem um aperto no coração - seria possivel transformar um sonho em realidade? Puro ócio. Mas dá pra passar o tempo.

Enfim...

Que os velhos erros não se repitam, que a velha essência (trágica por natureza), materialmente se perca. Só quero as cinzas em um lindo jarro na estante da sala. Só quero as lembranças (afnal, não há outro jeito, nem sempre elas se apagam).


3 comentários:

Andy disse...

Muito lindo. Eu entendo muito bem como vc se senti juba.
E isso é muito bom!
==^^==

beijocas

Sem selos disse...

ser especial para mim... será sim um ótimo ano, pois é o que desejo a vossa pessoa (realmente merece)..

(L)

'Mesquita' disse...

Spinelli.. eu te adoro.. te admiro...
mas eu não gosto do seu blog!
não digo dos textos, que por sinal são muito bem escritos...
mas isso aqui é muito deprimente..
dá vontade de chorar toda vez que venho aqui..
hdusahdushaudusa

bjãooo
te adoro xata